Programação
O Feminino e as Paixões no Mito Grego - Parte II

Com Cristina Rodrigues Franciscato
14 e 15 de setembro de 2018
sexta-feira das 19h30 às 21h30 e sábado das 9h às 17h


Paixão vem do latim passio e significa “grande sofrimento”, “emoção ou sentimento que ofusca a razão”, “forte entusiasmo”, “furor incontrolável”. Na Grécia, o termo similar páthos é aquilo que se experimenta. Indica algo que vem de fora e que nos submete.

O tema deste curso é a figura feminina no âmbito de Afrodite, a deusa do amor, do desejo que não silencia, de sentimentos que consomem. Estudaremos cinco heroínas, duas épicas e três trágicas: Helena, Penélope, Dejanira, Fedra e Medeia. Através do mito de cada uma delas, investigaremos alguns movimentos e possibilidades da natureza feminina quando confrontada com este poder imperativo que os gregos denominaram Afrodite.


 

 



Parte I


IV – Dejanira: o ocaso da juventude e o ciúme que devora.
Esposa dedicada e submissa, Dejanira consome-se em preocupações por Héracles, o grande herói dos Doze Trabalhos, sempre ausente e envolvido em façanhas. Quando jovem, Dejanira ostentava beleza incomum. Fora desejada pelo deus rio Aqueloo e pelo centauro Nesso, ambos vencidos por Héracles. Agora, recebe a notícia de que o marido, após longa ausência, está voltando. Mas, antes, ele lhe envia uma princesa, jovem e belíssima, pela qual destruíra um reino.

V – Fedra: a paixão como doença e loucura.
Teseu está ausente e Fedra, sua esposa, adoece. Não se alimenta, não se banha, não fala, delira e só deseja a morte. Seus males vêm de Afrodite. A deusa inspirou na rainha uma louca paixão por Hipólito, seu jovem enteado, devoto de Ártemis! Fedra tenta, em vão, vencer essa paixão que lhe incendeia as entranhas. Sua ama, acreditando ajuda-la, revela o fato para o casto Hipólito. Ele, horrorizado, amaldiçoa Fedra e, com ela, toda a raça feminina!

VI – Medeia, o poder e os perigos do feminino traído.

Jasão vai para a Cólquida, terra de Medéia, em busca do velocino de ouro. A princesa, neta do Sol e sobrinha da feiticeira Circe, é poderosa e versada em magia. Subjugada por Afrodite, apaixona-se por Jasão. Trai a pátria, a família e tudo que lhe é mais próximo e importante para ajudá-lo a vencer os obstáculos, roubar o velocino e consolidar seu valor heroico. Parte com ele para Grécia e gera filhos. Algum tempo depois, Jasão decide repudiá-la para casar-se com a jovem princesa de Corinto.



Bibliografica

Eurípides – Helena. Versão poética de José Eduardo do Prado Kelly. São Paulo, Livraria Agir Editora, 1986.

_______ Hipólito. Introdução, versão do grego e notas de Bernardina de Sousa Oliveira. Brasília, Editora UNB, 1997.

_______ Medéia. Tradução de JAA Torrano. São Paulo, Editora Hucitec, 1991.

Grimal, P. - Dicionário de Mitologia Grega e Romana. Tradução de Victor Jabonille. Rio de Janeiro, Bertrand Brasil, 1997.

HOMERO. Ilíada. Tradução de Frederico Lourenço. Lisboa: Livros Cotovia, 2005.
_________ Odisseia. Tradução de Frederico Lourenço. Lisboa: Livros Cotovia, 2003.

Sófocles. As Traquínias. Introdução, versão do grego e notas de Maria do Céu Zambujo Fialho. Brasília, Editora UNB, 1996.
 



Docente

Cristina Rodrigues Franciscato, Jornalista (formada pela ECA-USP) com mestrado, doutorado e pós-doutorado em Literatura Grega Antiga pela FFLCH-USP; tradutora da Tragédia “Héracles” de Eurípides (Palas Athena Editora, 2003) e coautora dos livros: “Estudos Sobre o Teatro Antigo” (Editora Alameda, 2010) e “A Representação dos Deuses e do Sagrado no Teatro Greco-Latino” (Humanitas, 2013). Membro Pesquisador do grupo “Estudos sobre Teatro Antigo” (USP/ CNPQ). Membro da SBEC - Sociedade Brasileira de Estudos Clássicos. Realiza viagens culturais à Grécia e a outros destinos que faziam parte da Grécia Antiga (sul da Itália, Sicília, parte da Turquia), atuando como professora e especialista em temas gregos.
 
 

Inscreva-se:

    
2x R$ 206,00
 

2x R$ 185,40


Preço da atividade com desconto para os seguintes grupos:
* Estudantes
* Pessoas com mais de 60 anos
* Professores do ensino público
* Alunos da Palas Athena que concluíram curso no ano atual ou anterior
Os documentos que comprovam a inserção em um dos grupos acima deverão ser apresentados na recepção da Palas Athena no dia da atividade.


 

Mínimo de 10 alunos, abaixo disso a Palas Athena se reserva o direito de cancelar a atividade.


Formas de Pagamento
- Boleto bancário (à vista)
- Cartão de crédito (VISA, MASTERCARD e AMERICAN EXPRESS)
Outras formas de pagamento na recepção da Palas Athena (11) 3050-6188

Inscrição pela Loja Virtual
Ao realizar a inscrição online, declaro que li e aceito os termos do acordo de adesão