• Home
  • Programação
  • Para que serve a Ética?
    A Moral e o Dharma: Um Diálogo Entre Ética e Moral
Programação
Para que serve a Ética?
A Moral e o Dharma: Um Diálogo Entre Ética e Moral

Com Guilherme Romano
5 de outubro de 2018, sexta-feira das 19h30 às 21h30

Desde as primeiras aspirações humanas de encontrar sentido e beleza para sua existência em comunidade, mostraram-se primordiais os valores, a cultura e as formas de regular as tensões entre tantos indivíduos diferentes que pensam, desejam e vivem juntos,. Esse código de costumes, muitas vezes engessado, é chamado de moral; e o esforço para construirmos a Arte do Bem Viver, mesmo que à custa da modificação dos costumes, chamamos ética.

A moral tem um importante espaço em nossa vida, mas ao deixar de ser questionada, torna-se fundamentalista e disfuncional. Na história da Filosofia Moderna essa tensão foi belamente expressada por filósofos como Immanuel Kant. Ele estabeleceu sólidos valores para pensarmos e vivermos de maneira moralmente virtuosa, no entanto, carregou suas ideias de um certo estoicismo árido e de motivações pouco atraentes ou viáveis à mente humana comum. Um de seus sucessores e crítico, Arthur Schopenhauer, aponta essa aridez e propõe uma revisão da motivação ética que nos leva a agir no bem.

Porém, milênios antes destes dois luminares, na Índia antiga, a mesma tensão entre moral e ética já vinha sendo pensada sob o nome de Dharma. O legislador Manu tratou desse assunto, que conhecemos rudemente como “dharma hindu” e também os ensinamentos contestadores do Buddha Shakyamuni e seu novo Dharma, amparado não no dever inquestionável das virtudes (aryas, semelhantes ao imperativo categórico de Kant), mas na motivação compassiva que inspirou Schopenhauer.

Nesta palestra analisaremos o que de precioso esses quatro sistemas podem nos oferecer para amparar e reforçar nosso próprio pensar ético, nossos valores e relações com o mundo.


Entrada franca.
Vagas limitadas.

 

 



 

Docente
 Guilherme Romano, Filósofo formado pela Universidade de São Paulo, professor de Raja Yoga, palestrante e autor do livro "A Eterna Dança Cósmica". É um estudioso das filosofias da antiga Índia como o Samkhya e o Vedanta além de continuar seu aprendizado na Palas Athena.