Projetos

A Palas Athena, fundada em 1972, é uma organização da sociedade civil, sem fins lucrativos, posteriormente declarada de utilidade pública municipal, estadual e federal. Não é subvencionada pelo governo, nem por instituições nacionais ou internacionais de qualquer natureza.

Sua missão é aprimorar a convivência humana por meio da aproximação de culturas e articulação dos saberes. Para tanto, desenvolve atividades educacionais, culturais, programas e projetos socioeducativos, sempre com recursos provindos da autogestão. A visão da Palas Athena – contribuir na geração e articulação de conhecimentos e práticas que promovam a cultura da convivência – vem fundada na filosofia de Gandhi, para o qual a violência se define como tudo aquilo que impede o desenvolvimento do pleno potencial humano.

Assim, seus fundadores – Lia Diskin e Basílio Pawlowicz – criaram programas educacionais em que filosofia, psicologia, antropologia, etologia, mitologia, história, sociologia, artes, biologia, astronomia, em sua amplitude inovadora, convergem para oferecer uma visão abrangente e sistêmica do fenômeno humano, sua condição de autonomia e interdependência, de limitação e superação, diversidade e unidade. A estes programas acorreram profissionais de várias áreas, que receberam uma formação ampla e se beneficiaram do aporte de pioneiros nas áreas do pensamento complexo e de pesquisas de ponta em diversos ramos contemporâneos da ciência.

Fruto da primeira fase da instituição são os professores que, tendo sido formados no currículo da Palas Athena, seguiram o curso de sua vida profissional nas áreas da medicina, direito, engenharia, administração e outras, enquanto, ao mesmo tempo, passaram a integrar o quadro docente da instituição na qualidade de voluntários. De fato, tal formação veio a garantir a consistência e alinhamento conceitual dos cursos criados e ministrados nos anos seguintes.

Lia Diskin e Basílio Pawlowicz, em parceria com a equipe de professores, desenvolveram cursos, grupos de estudo, seminários e projetos com foco na ética, na não violência ativa (como proposta por Gandhi), na qualificação do diálogo entre culturas, religiões e pessoas, nas novas tecnologias de convivência (diálogo, mediação, transformação de conflitos, criação de consenso, justiça restaurativa, processos circulares, comunicação não violenta, pedagogia da cooperação e outras). Eles foram frequentados por grande número de profissionais das mais variadas áreas, que passaram a se engajar em projetos de promoção e desenvolvimento social e eventualmente se tornaram parceiros da Palas Athena em programas com instituições governamentais e privadas dos setores educacionais, de saúde, assistência social, justiça, segurança, direitos humanos, em movimentos de iniciativa do diálogo inter-religioso, e ainda de responsabilidade social empresarial.


Continuar lendo...




Acesse os link abaixo e conheça mais sobre os projetos:

 

• Programas e projetos permanentes

• Projetos Internacionais

 

• Semana Gandhi

 

• Semana Martin Luther King

• Semana Nelson Mandela